Pular para conteúdo

Conheça os benefícios do uso de Business Intelligence no agronegócio

              O Brasil ainda tem muito a evoluir no quesito produtividade. Uma recente pesquisa...

 

 

 

 

 

 

 

O Brasil ainda tem muito a evoluir no quesito produtividade. Uma recente pesquisa publicada pela Conferece Board indicou que 4 brasileiros produzem o equivalente a um americano. Entre os principais fatores apontados encontram-se o baixo nível educacional, a falta de qualificação dos trabalhadores, a falta de infraestrutura e o baixo investimento em inovação e tecnologia.

Entretanto, o agronegócio é um dos poucos setores onde o país tem evoluído em produtividade, principalmente em virtude da melhor formação dos jovens que estão assumindo a gestão dos negócios, e, com esta nova visão, passando a utilizar a tecnologia em todos os campos do agronegócio.

Neste cenário, surge um dos principais auxiliadores na gestão do agronegócio: Business Intelligence (BI). Mas o que é BI e quais os benefícios da sua utilização para este setor? Confira a seguir:

Business Intelligence

Business Intelligence (BI), ou inteligência de negócios, envolve o processo de coleta, organização, análise, monitoramento e compartilhamento de informações com o objetivo de dar suporte à gestão de negócios, facilitando o processo de tomada de decisões.

Para cumprir este objetivo, utiliza-se um conjunto de teorias e metodologias, processos, além de estruturas e tecnologias, transformando uma grande base de dados em informações através de relatórios e dashboards simples e interativos.

Benefícios para o agronegócio

Veja, abaixo, alguns benefícios da aplicação de Business Intelligence no agronegócio:

Produtividade

Com a utilização de Business Intelligence, o empreendedor consegue identificar processos que não estão gerando o resultado esperado, comparar com os padrões desejados e agir de forma antecipada para garantir uma maior produtividade.

Suporte para agricultura de precisão

A agricultura de precisão tem ganhado notoriedade no Brasil, gerando muita produtividade e redução de custos. Mas para que ela possa gerar o máximo de eficiência, o empreendedor deve utilizar uma ferramenta de Business Intelligence, que facilite o acompanhamento e análise das informações necessárias em tempo real.

Informação facilitada


Antes da utilização de Business Intelligence, o agronegócio carecia de informações. Hoje essas informações são obtidas de forma automática através de diversos meios como GPS, drones, RFID e através dos próprios equipamentos que realizam as tarefas.

Gestão do negócio

Com a participação cada vez maior de jovens no agronegócio e com estes cada vez mais capacitados para gerir as empresas, surgiu também a necessidade de relatórios de acompanhamentos como produtividade, indicadores financeiros, indicadores de vendas e outros indicadores específicos de cada negócio.

Estes indicadores são fundamentais para o planejamento e acompanhamento de metas e ajustes do negócio em tempo real, mostrando-se como uma vantagem competitiva enorme frente aos concorrentes.

Redução de custos

Com as informações obtidas é possível determinar, por exemplo, a quantidade de insumos a ser utilizada por área, determinar a profundidade ideal para se colocar a semente e também o espaço ideal entre elas. Esses processos permitem uma larga redução de custos com insumos e possibilita tornar a produtividade padrão, independentemente da área de plantio.

O uso de Business Intelligence está aumentando muito a produtividade do agronegócio brasileiro, contribuindo para que o setor atinja diversos recordes de produção. Você já experimentou Business Intelligence no seu agronegócio? Compartilhe as suas dúvidas e experiências através do espaço de comentários!

Deixe seu comentário:

Sobre o autor
Redator Sankhya

Olá! Este post foi escrito por nosso redator oficial Sankhya. Deixe seu comentário abaixo sobre o que você achou deste texto :)

Conheça o ERP Sankhya na prática

Informe seus dados para acessar o tour pela solução Sankhya.