PCM: o que é e qual a importância do Planejamento e Controle de Manutenção

Ter uma gestão estruturada é essencial em qualquer empresa e o PCM (Planejamento e Controle de Manutenção) é uma parte...

PCM-Planejamento-e-Controle-de-Manutenção.

Ter uma gestão estruturada é essencial em qualquer empresa e o PCM (Planejamento e Controle de Manutenção) é uma parte importante quando se fala da área de manutenção. O controle preciso e adequado dos processos de funcionamento dos equipamentos é importante para o bom andamento da produção.

O Planejamento e Controle de Manutenção é uma parte desafiadora para gestores, tendo em vista que esse setor exige um alto padrão de funcionamento e é através deles que toda a produção da organização flui, mantendo um alto índice de produtividade.

Neste artigo, explicamos o conceito de PCM, seus benefícios, suas responsabilidades em relação à empresa, os tipos de manutenção existentes e a ordem deles e como implementar essa ferramenta com o ERP como aliado. Confira!

O que é PCM?

Responsável por toda a gestão do setor de manutenção, o PCM ou Planejamento e Controle de Manutenção é uma área com foco na gestão estratégica desse setor, para manter os equipamentos em dia para a melhor produtividade do trabalho operacional.

A partir dos fatores principais que o Planejamento e Controle de Manutenção analisam, os gestores e os profissionais responsáveis conseguem entender, identificar as reais falhas e problemas e definir qual é a melhor solução.

Entre as ações mais analisadas estão:

  • Controle de custos;
  • Controle da equipe;
  • Avaliação das falhas e quais os intervalos de tempo entre elas;
  • Qualidade do equipamento e suas condições;
  • Identificação do tipo de manutenção a ser feito no equipamento;
  • Tempo de manutenção.

O PCM funciona como o braço direito da produtividade nas empresas, procurando avaliar quais são os gargalos operacionais que afetam a produção, para que possa solucioná-los da melhor maneira e com as melhores estratégias.

Quais são os benefícios do PCM?

Só as execuções das ações que envolvem o PCM não são suficientes. É preciso ter estratégia para que todas as atividades sejam feitas de acordo com as metas e os objetivos dos negócios.

O PCM garante a segurança e a qualidade operacional, que são essenciais para o bom funcionamento e a execução de alta produtividade, além de facilitar o trabalho dos gestores e proporcionar inúmeros benefícios para a organização, como:

  • Melhora a qualidade da produção;
  • Reduz os riscos de falhas e panes;
  • Diminui o custo total de manutenção;
  • Ajuda na eficiência dos aparelhos;
  • Previne possíveis acidentes de trabalho;
  • Aumenta a vida útil dos equipamentos e máquinas;
  • Proporciona à equipe do setor uma melhor produtividade;
  • Reduz a perda de tempo de produção devido a falhas.
  • Atinge metas e soluciona problemas com o planejamento estratégico.

É importante para a empresa a otimização de tempo, uma vez que permite uma maior produtividade e, assim, a possibilidade de atingir metas e objetivos, se destacando dos concorrentes. Por isso, o Planejamento e Controle de Manutenção permite uma boa gestão desse setor.

Quais são as responsabilidades do setor de PCM?

É importante manter um fluxo de trabalho que atenda às metas e o PCM é parte necessária nesse ponto, porque é ele que alinha todo o processo de gestão do setor de manutenção com os objetivos planejados.

Em pesquisa realizada pela Revista Manutenção, 64% dos profissionais disseram que a empresa em que trabalham possui um setor de Planejamento e Controle de Manutenção, enquanto 29% informaram que a organização não possui essa área estruturada.

Para que o PCM seja bem modelado na empresa, é preciso ter responsabilidades no setor, divididas em partes técnicas, estratégicas, administrativas e táticas. Esses são compromissos que fazem parte do Planejamento e Controle de Manutenção e devem ser fixos e constantes, para que a execução das atividades tenha fluidez e dinamismo:

  • Gerenciar os custos;
  • Ter as metas bem estipuladas e acompanhá-las através de indicadores
  • Administrar os serviços terceirizados;
  • Manter um padrão nos processos da área;
  • Criar estratégias de correção das falhas;
  • Ter planos especificados para atingir metas;
  • Avaliar com constância as documentações técnicas;
  • Ter planos sempre atualizados de inspeção e manutenção preventiva;
  • Capacitar e atualizar os profissionais da área sempre que necessário;
  • Acompanhar as tendências do mercado industrial e investir em tecnologias. 

Quais são os tipos de manutenção?

Para manter um PCM de qualidade e com uma gestão atenta e eficaz, existem três tipos de manutenção que são importantes de serem feitas com constância: a corretiva, a preventiva e a preditiva. A seguir, explicamos a importância e a necessidade de cada uma delas.

Corretiva

É considerada a manutenção que menos beneficia a empresa por seus altos gastos, mas é a mais recorrente entre elas. A corretiva é feita quando o equipamento apresenta falhas, por isso gera pausa e atraso nas produções dependentes dele e um custo alto com os reparos necessários. 

Costuma-se dizer que esse tipo não está inserido no Planejamento e Controle de Manutenção, uma vez que o foco principal nessa gestão é evitar que chegue a esse ponto.

Preventiva

Saber usar os equipamentos com cuidado e com um olhar atento a possíveis falhas ajuda a evitar futuras correções e a manter a manutenção preventiva

É importante que toda a equipe envolvida nesse setor saiba, por meio de análises e índices gerados pelo Planejamento e Controle de Manutenção, quais são as falhas mais frequentes e, assim, manter as ações preventivas constantemente.

Preditiva

A partir de monitoramentos constantes e precisos do setor de PCM, a manutenção preditiva é feita com base nessas informações. Ao avaliar alguma alteração em um dos equipamentos, já são feitos os ajustes e as inspeções necessárias, sem que afete a produtividade da empresa.

O que é ordem de manutenção?

A ordem de serviço de manutenção (OS) é um registro detalhado sobre o tipo de serviço de manutenção que deve ser prestado. Nela, são inseridos dados importantes que vão nortear o time de manutenção e todas as áreas envolvidas no processo proveniente do serviço solicitado.  

A principal função da OS é identificar recursos na empresa, tanto de mão de obra quanto de matéria-prima, além de recursos financeiros e de pessoal. Ordens de serviço de manutenção bem executadas permitem que gestores e profissionais responsáveis tenham total controle da operação, resultando em mais lucros e melhores resultados.

Em todas as OS, é importante que haja informações que são essenciais em uma ordem de serviço de manutenção, como por exemplo:

  • Datas e horários de abertura e fechamento;
  • Nomeações com números identificadores;
  • Local onde a tarefa deverá ser realizada;
  • Nome do responsável pela solicitação;
  • Identificar o tipo de OS e para qual área será destinada;
  • Informações detalhadas do problema;
  • Materiais necessários para o serviço.

Como implementar o PCM com o ERP Sankhya?

Para facilitar todos os processos e estratégias de gestão do PCM de forma dinâmica e com otimização de tempo, o ERP Sankhya permite que profissionais responsáveis e gestores controlem todas as atividades do setor de manutenção em um único sistema.

O PCM no sistema ERP disponibiliza uma visão geral dos ativos e ordens de manutenção em vigor com atualização de status de cada atividade. Sempre que um item listado for acessado, é possível ter uma riqueza de detalhes sobre a ordem de serviço dele.

O PCM no ERP Sankhya também oferece a possibilidade de cadastros ativos serem importados e ainda editados com dados extras, que podem ser importantes.

Com inúmeras funcionalidades, o sistema ainda permite:

  • Manter as etapas dos processos com maior número de dados possível;
  • Descrever os materiais que são utilizados no equipamento;
  • Fazer uma rotina de manutenção preventiva e programá-la;
  • Ter o histórico geral de ordens de manutenção;
  • Acompanhar indicadores para ajudar no planejamento;
  • Exibir o status de manutenção;
  • Controlar o tempo de uso e parado das máquinas;
  • Fazer toda a descrição do serviço com riqueza de detalhes.

E além de todos esses benefícios que o ERP Sankhya disponibiliza no PCM, os gestores e profissionais responsáveis ainda conseguem acessar todas essas informações por um aplicativo, de onde quer que estejam

Veja um vídeo na prática:

Conheça o Planejamento e Controle de Manutenção no ERP e saiba como ele pode ajudar a sua empresa a evoluir com produtividade, qualidade e eficiência. Entre em contato com nosso time de especialistas e saiba mais!

Sobre o autor
Redatora Sankhya

Quer receber conteúdos sobre gestão em seu email?

Assine a newsletter para receber nossas novidades.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade
    plugins premium WordPress
    Conheça o ERP Sankhya na prática

    Informe seus dados para acessar o tour pela solução Sankhya.