Pular para conteúdo

Plataforma ERP: 6 dúvidas mais comuns

A plataforma ERP é uma tecnologia cada vez mais presente em empresas e indústrias de diferentes segmentos. Justamente por isso,...

Colaboradores de uma empresa reunidos para usar uma plataforma ERP.

A plataforma ERP é uma tecnologia cada vez mais presente em empresas e indústrias de diferentes segmentos. Justamente por isso, também traz uma série de dúvidas aos gestores, especialmente pensando se essa é uma aliada dos seus negócios.

De uma maneira geral, a plataforma ERP funciona integrando todos os setores da companhia – que são incluídos no sistema em forma de módulos. Assim, fica mais fácil para o gestor ter uma visão ampla e precisa da sua empresa, ao mesmo tempo em que consegue automatizar diferentes tarefas, aumentando a produtividade e a eficiência.

Quer entender melhor? Siga conosco!

1 – O que é uma plataforma ERP?

A plataforma ERP é um sistema integrado de gestão empresarial, ou seja, um software de gerenciamento de processos que permite o empresário controlar todas as informações referentes ao seu negócio.

Ela funciona por meio de módulos, que são integrados entre si. Cada módulo pode corresponder a uma área operacional ou estratégica da sua empresa, como: vendas, compras, estoque, logística, finanças, contábil, fiscal, RH, produção etc.

Assim, a plataforma ERP funciona como um grande banco de dados centralizado, que reúne as informações mais importantes de cada um dos setores da sua empresa – e permite a troca rápida e ágil de informações entre as áreas distintas.

Além disso, o ERP permite automatizar diferentes tarefas burocráticas e repetitivas, simplificando os processos e consegue produzir relatórios precisos sobre diferentes pontos do seu negócio, auxiliando na tomada de decisão.

2 – Será que o sistema ERP é para minha empresa?

Existem diferentes tipos de ERP, inclusive opções voltadas especialmente para determinadas empresas e nichos de mercado. Ou seja, há ERP específico para indústrias, agronegócios, varejo, empresas de serviço, atacadistas etc.

Cada um desses, traz módulos específicos voltados às necessidades do tipo de empresa e também do setor em que ela atua. Assim, é mais fácil colher os benefícios esperados do software.

Então, tanto para empresas pequenas, como para as grandes, e de todos os segmentos e nichos de atuação, existem vantagens em usar um ERP.

3 – Como é a segurança na plataforma ERP?

Uma plataforma ERP é bastante segura, já que dispõe de uma série de medidas, protocolos e estratégias que visam proteger os dados empresariais.

No caso do acesso, por exemplo, você mesmo poderá definir a hierarquia e estipular quais áreas cada colaborador poderá acessar, por meio de login e senha. Muitos ERPs funcionam na nuvem, ou seja, sem a necessidade da instalação física do software nas máquinas da empresa, rodando em um servidor na internet.

Nessas situações, o ERP dispõe de criptografia e outras barreiras, impedindo que pessoas má intencionadas consigam ter acesso às informações dos negócios. E, como funciona em nuvem, essa solução traz uma vantagem extra: mantém os dados da empresa sempre seguros, independentemente de problemas físicos nos computadores do seu negócio ou na sua sede, como queda de raios, enchentes, vírus nos computadores etc.

4 – Quais os benefícios do ERP?

Dois colaboradores usando uma plataforma ERP em sua empresa.
A plataforma ERP pode trazer para sua empresa diversas vantagens, inclusive a redução dos custos operacionais, bem como automação e integração de processos.

Um bom ERP é um aliado do seu negócio, porque traz uma série de vantagens às empresas, como:

·         automação dos processos, trazendo maior produtividade às equipes;

·         mais agilidade na tomada de decisão, uma vez que você terá a sua disposição uma série de dados e informações precisos e confiáveis sobre diferentes aspectos do seu negócio;

·         redução dos custos operacionais, porque você consegue automatizar tarefas (reduzindo os desperdícios) e ainda é capaz de analisar detalhadamente todos os pontos que influenciam no financeiro da sua empresa;

·         aumento das vendas, uma vez que o gestor tem acesso a informações detalhadas sobre seus clientes e hábitos de consumo, como preferências de produtos, marcas, melhores dias da semana para as vendas, gerenciamento preciso do estoque etc.;

·         aumento da competitividade, já que, ao otimizar os processos e operações e ter um controle mais preciso do seu negócio, fica mais fácil reduzir as falhas e retrabalhos, aumentando a qualidade e reduzindo os custos associados (o que aumenta a margem de lucro);

·         gestão financeira mais acertada, permitindo realizar um fluxo de caixa projetado, antecipando momentos ruins, de forma que o gestor crie planos de contingência.

5 – Contratar uma plataforma ERP ou desenvolver a própria, o que vale mais a pena?

Outra dúvida muito comum é se vale mais à pena contratar uma plataforma de ERP ou desenvolver a própria. Essa resposta depende muito do perfil da sua empresa e das características do seu setor.

Alguns ERPs prontos possuem certo nível de personalização, o que oferece uma solução mista, dando aos gestores a possibilidade de incluir ou modificar alguns módulos.

Se a sua empresa é muito grande ou tem muitas peculiaridades, tanto em relação ao nicho de atuação como aos procedimentos operacionais, talvez seja mais interessante pensar em uma solução própria. Mas nesse caso, lembre-se que os custos serão maiores, especialmente em termos de atualização e gerenciamento da tecnologia.

Já para empresas em ramos bem servidos de soluções prontas, pode ser mais viável optar por essa alternativa, reduzindo os custos e também a necessidade de equipes próprias. Porém, para que essa seja uma boa alternativa, é importante escolher muito bem a tecnologia, considerando a expertise do desenvolvedor, os módulos presentes, a facilidade de uso e implantação e o suporte oferecido.

6 – Qual o custo-benefício do ERP?

Alguns gestores ainda não dispõem de uma plataforma ERP porque acreditam que essa é uma solução muito cara. É sempre importante pensar que este é um investimento para o seu negócio, porque você colherá frutos dele, trazendo vários benefícios a sua empresa, inclusive em termos de competitividade.

Então, quando for analisar as soluções, considere o custo-benefício que ela oferece, pensando nas vantagens a longo prazo. Um bom ERP, por exemplo, poderá lhe ajudar a automatizar tarefas, fazendo com que você tenha menor necessidade de mão-de-obra ou de pagamento de horas extras aos seus funcionários, gerando economia.

Além disso, você conseguirá precificar melhor seus produtos, gerenciar de forma automática o seu estoque (cruzando as informações em tempo real com o ponto de venda) e tomar decisões baseadas em dados. Tudo isso ajudará a sua empresa a gastar menos e a produzir mais e melhor, transformando os seus resultados no longo prazo e fazendo com que o software acabe se pagando.

Agora você já sabe tudo sobre plataforma ERP? Assine nossa newsletter e receba as atualizações do blog diretamente no seu e-mail!

Sobre o autor
Redator Sankhya

Conheça o ERP Sankhya na prática

Informe seus dados para acessar o tour pela solução Sankhya.