loader image

Por que implementar um sistema PDV no seu varejo?

Um colaborador e um gestor implementam um PDV

PDV é a sigla para Ponto de Venda, um recurso importantíssimo para as empresas de varejo. A tecnologia é uma grande aliada na hora de otimizar e melhorar a gestão do seu ponto de venda, como é o caso do sistema PDV.

Ele pode funcionar integrado ao seu ERP, conectando as informações de venda com os dados da gestão interna, trazendo uma visão macro de todo o seu negócio e melhorando a tomada de decisão.

Ainda não sabe como um sistema PDV é capaz de ajudar sua empresa? Siga conosco e descubra!

O que é PDV?

PDV, ou Ponto de Venda, é o local onde você expõe seus produtos, com o intuito de despertar o interesse de compra no consumidor. É nesse ambiente que o seu cliente conhece suas soluções, seus benefícios e promessas.

Assim, de acordo com essa definição, o PDV pode ser qualquer local físico ou virtual onde há contato entre a marca e os consumidores, como sua loja física ou o seu e-commerce, além de outros pontos de interação, como estande da sua empresa em um evento, um ponto de venda dos seus produtos dentro de um supermercado ou um balcão onde você venda seus produtos.

Outra possibilidade é usarmos o termo PDV para nos referirmos a frente de caixa. Ou seja, o terminal usado por um operador de caixa ou vendedor.

A frente de caixa acaba sendo a última etapa do processo de compra, quando a pessoa, efetivamente, se torna um cliente do seu negócio, comprando o produto e escolhendo a forma de pagamento.

Funções

A principal função do PDV, claro, é vender. Mas há inúmeras outras tarefas realizadas neste local. Como:

  • abertura e fechamento de caixa, analisando todas as entradas, saídas e o saldo em caixa, evitando erros e perdas;
  • emissão de nota fiscal, com a impressão da NFC-e para o consumidor e o repasse desses dados à contabilidade;
  • controle de estoque, uma vez que cada produto vendido deve ser atualizado do estoque, garantindo uma gestão adequada e evitando produtos a mais ou a menos que o necessário;
  • geração do cupom de venda que deve ser registrado para a verificação das informações;
  • organização dos cadastros de clientes e de produtos;
  • prevenção de perdas.

Dessa forma, podemos entender que o PDV é fundamental para as empresas de varejo, ajudando a potencializar suas receitas, construindo um relacionamento com os clientes e, claro, oferecendo dados essenciais para a gestão de toda a empresa.

O que é o sistema PDV?

O sistema PDV é um software usado para controlar todas as ações e necessidades dentro do PDV e também da frente de caixa.

Podemos traçar como principal objetivo de um sistema como esse é o agilizar todo o processo de vendas. Mas, quando integrado ao ERP, todas as transações registradas na frente de caixa são repassadas automaticamente ao financeiro e ao estoque, permitindo uma gestão mais otimizada e completa.

Por meio do sistema PDV, você consegue: selecionar o item comprado, inserir a quantidade, o preço, definir os descontos e selecionar o método de pagamento, finalizando a venda.

O sistema PDV pode ser usado por diversas empresas, como lojas, supermercados e outros tipos de comércio, automatizando vários processos no ponto de venda, além de disponibilizar informações estratégicas para o gestor tomar as melhores decisões, baseadas em dados.

E, claro, tudo isso resulta em uma experiência melhor para o cliente, que terá mais agilidade na frente de caixa e encontrará um ponto de venda mais bem elaborado para atender às suas necessidades.

Quais as vantagens de usar um sistema PDV?

Um gestor está conferindo os resultados do seu sistema PDV
O sistema PDV melhora a eficiência do controle fiscal além de proporcionar uma gestão eficiente dos estoques.

Um bom sistema PDV integrado ao ERP da sua empresa consegue trazer inúmeros benefícios à gestão do negócio, automatizando funções e tornando o dia a dia mais simples. Vamos ver alguns pontos positivos que a tecnologia é capaz de trazer ao seu negócio.

Melhorias na gestão do estoque

O controle de estoque é um dos pontos mais importantes para o varejo. Sem um gerenciamento correto, você corre o risco de ficar sem produtos para vender aos seus clientes ou com produtos demais, encalhados e trazendo prejuízos financeiros.

Com um sistema PDV, automaticamente as vendas na frente de caixa são baixadas do estoque, evitando erros, esquecimentos e incongruências, oferecendo dados muito mais precisos.

Além disso, você consegue acompanhar dados importantes sobre seus produtos, como o tempo em que estão armazenados, informação crucial para quem trabalha com itens perecíveis.

Outro ponto positivo é que o sistema realiza um histórico das suas vendas. Assim, você consegue entender quais produtos e marcas têm mais saída, a sazonalidade e as preferências do seu consumidor – pontos que ajudam o setor de compras a ser ainda mais efetivo e também pode contribuir com a sua área de marketing e planejamento de promoções.

Integração com a gestão financeira e fiscal

A gestão financeira é o coração de qualquer negócio e com um sistema PDV integrado você conseguirá contabilizar as vendas em tempo real, controlando melhor o seu caixa.

Isso porque, nesse sistema, todos os pagamentos são registrados no momento em que são realizados, independentemente de eles serem à vista ou a prazo.

Na hora que a venda é realizada, você já emite a NFC-e para seu consumidor e consegue disponibilizar os dados para a contabilidade, que deverá repassá-las ao Fisco, evitando problemas fiscais causados por esquecimento ou incongruência das informações, por exemplo.

Como todas as vendas são registradas no sistema, você consegue fazer um fluxo de caixa mais preciso, além de ter informações importantes, por exemplo, sobre o método de pagamento preferido dos seus clientes, o valor médio das compras, a quantidade de vendas à vista e a prazo.

Melhora no planejamento e controle

Um sistema PDV faz mais do que apenas agilizar as vendas. Ele capta informações importantíssimas sobre o seu negócio e as disponibiliza em formato de relatórios. Esses dados ainda podem ser analisados em tempo real.

Isso significa que você terá um embasamento muito melhor e mais estratégico na hora de tomar suas decisões e realizar seus planejamentos, o que favorece o crescimento da empresa.

Você consegue entender melhor, por exemplo: o giro médio do seu estoque e melhorar o setor de compras, o comportamento do seu consumidor, os dias e horários com mais vendas, os produtos com mais saída, os meios de pagamento mais usados, as épocas com mais e menos venda, entre outros.

Todos esses dados podem lhe ajudar a definir os momentos certos para realizar promoções, quando comprar produtos de reposição, em quais marcas ou itens investir, quando serão as épocas de menos venda e, inclusive, se preparar para elas.

Agilidade e automatização nos processos

Como o sistema PDV realiza muitas ações automaticamente, você acaba economizando tempo seu e das suas equipes – que podem focar no que realmente interessa para o seu negócio.

Por exemplo, você não precisa dispor de alguém apenas para dar baixa no estoque, ou para fazer a emissão das notas. O sistema consegue fazer isso sozinho.

É claro que essa agilidade também se traduz em uma experiência melhor para o seu cliente, principalmente na frente de caixa. Com todos os seus produtos registrados no sistema, a hora de passar as compras e efetuar o pagamento se torna mais rápida, reduzindo as filas.

Como escolher o sistema PDV?

Já está convencido de que o sistema PDV é um grande aliado das empresas de varejo? Para alcançar todos os benefícios que citamos acima, é importante fazer essa escolha com cuidado. Veja algumas dicas essenciais:

  • avalie as necessidades do seu negócio, entendendo exatamente o que a solução precisa oferecer para melhorar sua gestão;
  • pesquise sobre os fornecedores, procurando por empresas consolidadas no setor e que ofereçam uma solução completa, suporte e atendimento;
  • caso a sua empresa já use um ERP ou CRM, por exemplo, verifique se há como realizar a integração com essas tecnologias;
  • avalie se o sistema é fácil de usar, rápido e intuitivo, ou se você necessitará investir em treinamentos para seus colaboradores;
  • analise como é o suporte técnico oferecido, se existem taxas adicionais para essas ações e outros pontos;
  • considere o custo-benefício da solução, ou seja, as funcionalidades e vantagens que ela oferece pelo custo de aquisição e implantação;
  • analise o feedback e a experiência de outros consumidores.

Após ler este conteúdo, você está pensando em investir em um sistema PDV para sua empresa? A Sankhya conta com uma solução completa que alia ERP e frente de caixa, desenvolvida exclusivamente para as necessidades do setor de varejo. Conheça nossa solução e descubra como ela pode ajudar a sua empresa!

Compartilhe:

Comentários

O que você achou deste conteúdo?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Quer receber conteúdos sobre gestão em seu email?

Assine a newsletter para receber nossas novidades.

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

SOLICITE ORÇAMENTO

Envie seus dados que logo nossos especialistas entrarão em contato.

Torne-se uma unidade Sankhya

Para análise inicial de aderência ao Programa Unidades de Negócios Sankhya, favor preencher o formulário abaixo.

SOLICITE ORÇAMENTO

Envie seus dados que logo nossos especialistas entrarão em contato.

Sua inscrição foi realizada com sucesso.

SOLICITE UMA PROPOSTA

Nossos consultores estudarão a fundo suas necessidades e apresentarão as melhores soluções para a sua empresa.

Fale com um Consultor

Obrigado por se cadastrar

SOLICITE ORÇAMENTO

Envie seus dados que logo nossos especialistas entrarão em contato.

Conheça o ERP Sankhya na prática

Informe seus dados para acessar o tour pela solução Sankhya.