Pular para conteúdo

O que é operador logístico e qual o seu papel?

Os serviços de logística são cada vez mais importantes para as empresas de diversos ramos. Assim como a terceirização tem...

operador logístico

Os serviços de logística são cada vez mais importantes para as empresas de diversos ramos. Assim como a terceirização tem ganhado força, ajudando a reduzir custos e aumentar a produtividade. É nesse cenário que se insere o operador logístico.

Embora muitas pessoas acreditem que esse termo se refere a uma função individual, a realidade é diferente. O operador de logística é uma empresa especializada na prestação de diversos tipos de serviços relacionados à logística. Quer entender melhor? Continue a leitura!

Você pode ouvir este artigo clicando no player abaixo:

O que é operador logístico?

O operador logístico é uma empresa que atua na terceirização de serviços logísticos. Assim, elas são focadas em oferecer serviços logísticos ou de gestão para outros negócios e, eventualmente, podem fornecer mão-de-obra especializada para a realização de atividades ligadas à área de logística.

Com a especialização crescente e o aumento da concorrência, as grandes empresas passaram a notar que não era vantajoso realizarem sozinhas algumas tarefas da área de logística, como o controle de estoque e o gerenciamento do transporte.

Foi assim que nasceram as primeiras terceirizações do setor, com gestores compreendendo que a logística não integrava o core business de muitas companhias – e que poderia ser passível de terceirização.

No início, as atividades do operador logístico eram realizadas basicamente por transportadoras que passaram a se adaptar a essa nova demanda do mercado. Até que começaram a surgir as primeiras empresas realmente especializadas no setor.

O que faz um operador de logística?

São muitas as atividades e funções ligados ao operador de logística, desde o gerenciamento das atividades nas fases da cadeia de abastecimento, até a produção e entrega no destino final. Vamos ver algumas das tarefas mais importantes desses negócios.

Armazenagem

O operador logístico deve dispor de instalações adequadas para realizar a armazenagem, como contêiner, galpões de armazenagem, boxes privativos, depósitos e outros, além de sistema de administração de armazéns, adequado a cada caso.

Também é responsabilidade do terceirizado: emitir a documentação do despacho, de acordo com as legislações pertinentes, controlar e responsabilizar-se pelas avarias, realizar o controle adequado, desde a entrada dos bens materiais até a saída, e possuir apólice de seguro para as instalações e os bens materiais.

Controle de estoque

Em parceria com o cliente, o operador de logística poderá estabelecer a política ideal de gestão de estoques, além de: controlar e responsabilizar-se pelas quantidades, localizações e valores do estoque físico, fornecer informações precisas ao cliente sobre tudo referente ao estoque e emitir relatórios periódicos.

Gestão de transportes

Nesse tipo de serviço, o operador logístico poderá tanto ele próprio realizar os transportes como terceirizar, sendo encarregado de qualificar as transportadoras, coordenar a chamada das transportadoras, conferir e realizar o pagamento dos fretes, controlar o desempenho das transportadoras e emitir relatórios de acompanhamento dos serviços prestados.

Além desses serviços, o operador logístico também poderá fornecer mão-de-obra especializada e sistemas de gerenciamento de estoque para a empresa, prestar serviços de consultoria logística e outras questões mais técnicas.

Quais as vantagens desse tipo de serviço?

Terceirizar o setor logístico é uma ação que tem atraído cada vez mais os gestores. E isso não é por acaso, afinal existe uma série de vantagens desse tipo de atividade. Vamos ver abaixo as principais.

Novas tecnologias

A área de logística está cada dia mais modernizada, automatizada e informatizada, permitindo aos profissionais lidarem com o grande fluxo de informações. Por isso, o operador logístico costuma contar com tecnologias avançadas de gerenciamento de dados referente aos pedidos dos clientes e reabastecimento, movimentação de armazéns, documentação de transporte, controle de custo, gestão de estoque etc.

Quanto mais avançadas forem essas tecnologias, maior o nível de automação e precisão – o que, por sua vez, significa redução de perdas, aumento da qualidade e diminuição dos custos totais.

Como a logística não integra o core business de muitas empresas, nem sempre elas conseguem aplicar todas essas tecnologias no seu dia a dia, por isso a terceirização se torna vantajosa.

Profissionais qualificados

Manter um setor próprio de logística é muito caro, principalmente em termos de recursos humanos. O operador de logística tem a vantagem de contar com times altamente qualificados e especializados, já que essa é uma exigência para conseguir atuar em um mercado tão competitivo.

Porém, é claro que, para ter acesso a essa vantagem, é essencial conferir muito bem a experiência e expertise da terceirizada antes de realizar a contratação, verificando quem são os profissionais que cuidarão do seu negócio e o nível de qualificação apresentado.

Menores custos operacionais

A logística é, sem dúvida, um dos setores que mais necessitam de capital dentro de uma empresa. O alto investimento é respaldado pela necessidade de adequação às legislações e outras burocracias.

Por isso, empresas que desejam realizar todas as atividades logísticas sozinhas tendem a ter custos operacionais mais altos, o que acaba significando margem de lucro menor e menos competitividade.

Ao optar pela terceirização, contudo, esses custos são reduzidos, pois você passa a usar da infraestrutura (física e tecnológica) e dos recursos humanos do operador logístico, tornando todos os processos mais baratos, sem que isso signifique perda de qualidade, pelo contrário.

Porém, é essencial avaliar muito bem o contrato, pois, para conseguir essa vantagem, é importante que você não tenha que realizar investimentos em aquisições, tecnologias ou alocação de mão-de-obra.

Foco no core business

As atividades logísticas tomam tempo e exigem atenção contínua. O que significa a necessidade de, continuamente, deslocar profissionais para acompanhar esse setor ou de criar equipes próprias. Além de recursos humanos e de capital, tudo isso também toma um recurso importantíssimo atualmente: tempo!

Quando você terceiriza o setor, quem cuidará de todos os pormenores da área será o operador logístico e você receberá relatórios e outros documentos sintetizados e fáceis para manter o controle e o acompanhamento.

Isso significa muito mais tempo livre para você e para todos os colaboradores da sua empresa que podem focar sua atuação no que realmente interessa para o seu negócio e na área em que eles têm conhecimento.

Será que meu negócio precisa de um operador logístico?

Infelizmente não existe uma regra que indique o momento certo ou os tipos de negócios que mais podem se beneficiar com esse tipo de serviço. Essa é uma decisão que deverá ser tomada considerando a experiência da sua empresa, as carências do negócio, os gargalos dos processos logísticos e os custos relacionados ao setor.

Nem sempre os problemas enfrentados podem estar associados ao seus processos operacionais, mas sim aos custos de todos eles, tornando a manutenção do setor próprio de logística praticamente inviável. Nesses casos, a adoção de uma terceirizada é muito bem-vinda.

Assim como para as empresas que têm enfrentado dificuldades na hora de gerir os processos relacionados à logística, com uma gestão de estoques ineficiente, dificuldades nas entregas, entre outros pontos.

Empresas que estão com altos custos de armazenagem, processos logísticos ineficientes, dificuldades com mão-de-obra para gerenciamento e outros problemas são candidatas perfeitas a se beneficiarem muito da contratação de um operador logístico, já que podem reduzir a necessidade de espaço, deixando de locar barracões para armazenagem, por exemplo, e ainda contar com o know-how e a mão-de-obra da terceirizada.

Indicativos da necessidade de um operador de logística

Alguns fatores indicam que o seu negócio poderá se beneficiar com esse tipo de serviço, como:

  •         problemas e dificuldades com a gestão de estoque;
  •         falta de espaço para armazenagem própria ou custo muito alto para manutenção desses espaços;
  •         alto custo com a frota para transporte;
  •         alto custo com a mão-de-obra para movimentação, separação e embalo das mercadorias;
  •         demora ou erros nas entregas de cargas;
  •         falta de experiência no setor logístico;
  •         falta de pessoal ou de tempo para o setor logístico.

Neste conteúdo, você aprendeu que um operador logístico é uma empresa especializada em prestar diversos serviços e atividades referentes à área logística, sendo uma oportunidade para as empresas terceirizarem essas ações. Entre os diversos benefícios, podemos citar: redução de custos, acesso à tecnologia de ponta e profissionais qualificados.

 

Sobre o autor
Redator Sankhya

Conheça o ERP Sankhya na prática

Informe seus dados para acessar o tour pela solução Sankhya.