Pular para conteúdo

Saiba tudo sobre gestão logística

Neste artigo, saiba tudo sobre gestão logística, começando pelos tipos de logística, como funciona e como usar a tecnologia a...

gestão logística

Aumentar as vendas e a receita da empresa é tão importante quanto saber fazer redução de custos. Isso implica que CEOs e gestores tenham conhecimento sobre gestão de logística, já que ela auxilia no aumento da eficiência dos processos, ajuda no controle de estoque e muito mais

Você pode ouvir este conteúdo no player abaixo:

Por meio de uma gestão logística eficiente, é possível ter projetos customizados e direcionados para as necessidades do cliente, além de ter uma “visão 360º” de toda a cadeia, gerando mais agilidade e eficiência, podendo monitorar em tempo real todas as fases e operações da cadeia logística. Consequentemente, a empresa reduz custos e melhora resultados. 

Neste artigo, saiba tudo sobre gestão logística, começando pelos tipos de logística.

Quais são os tipos de logística?

Para que um produto chegue ao  consumidor corretamente, é necessário atenção para diversas etapas, começando pela produção, com o controle sobre fabricação, montagem e armazenamento. Depois, observando sustentabilidade e evitando o desperdício e o uso indevido dos materiais.

Feitas as duas primeiras etapas, é importante garantir suprimentos ou abastecimento por meio da verificação de qualidade, bons preços, estoque e acessibilidade de todo o material. Por fim, e não menos importante, fazer o gerenciamento da distribuição com eficiência, definindo as melhores rotas e fazendo um planejamento de entrega eficaz. 

Para assegurar que a logística de uma empresa está sendo bem feita, entenda quais são os principais tipos de logística.

1. Logística integrada

A logística integrada, como o próprio nome diz, busca integrar e  organizar a gestão da cadeia de suprimentos, onde departamentos, processos, recursos e fluxos são coordenados para operar em sintonia.

Por meio da logística integrada, é possível eliminar obstáculos, aprimorar operações, aumentar a competitividade empresarial, ter custos mais baixos, proporcionar flexibilidade e ter uma gestão de estoque mais eficiente.

Para implementar a logística integrada em um negócio, é necessário aumentar a conscientização dos colaboradores, em todos os departamentos da empresa, e depois analisar fatores externos como a concorrência e propor possíveis cenários de crise. Feito isso, é preciso criar estratégias e alternativas que melhorem a competitividade.

2. Logística reversa

A logística reversa é uma ferramenta bastante útil com o foco principal em sustentabilidade. É por meio dela que é feito o direcionamento das embalagens pós-consumo e de materiais, como pilhas, pneus e lâmpadas, para a reciclagem ou para a obtenção de energia.

Empresas que praticam logística reversa estão atendendo a um dos atributos citados pela Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) na Lei 12.305/10. A lei trata da gestão e do gerenciamento de resíduos sólidos para o setor empresarial.

A logística reversa indica que a responsabilidade de uma empresa por um produto comercializado não acaba quando ele é comprado pelo consumidor, só quando a empresa consegue retornar os resíduos para a cadeia produtiva.

A diretriz da PNRS espera diminuir em 45% a quantidade de materiais recicláveis que seguem para os aterros sanitários desnecessariamente até 2031. Portanto, fazer uso da prática da logística reversa na empresa pode ser muito vantajoso.

3. Modais de transporte

Os modais de transporte são a forma como as cargas e os produtos são transportados. Atualmente, existem cinco tipos de modais de transportes:

  • Modal rodoviário;
  • Modal ferroviário;
  • Modal hidroviário;
  • Modal dutoviário;
  • Modal aeroviário.

A escolha de qual modal de transporte será utilizado depende basicamente do tipo de carga que será deslocada

No Brasil, o modal rodoviário ainda é o mais utilizado, já que oferece rotas mais flexíveis, deslocamento rápido em curtas distâncias, acessibilidade, menor burocracia na hora de emitir a documentação necessária para o transporte e, por fim, contratação mais fácil e ágil.

Como qualquer um dos modais de transporte, o modal rodoviário ainda tem desvantagens, como: custo elevado pelo valor do combustível, pedágio, manutenção de caminhões, maior tempo de deslocamento, capacidade de carga limitada e riscos elevados pela possibilidade de assaltos e acidentes na estrada, por exemplo.

Para entender melhor a importância da gestão logística, saiba como ela funciona.

Como funciona a gestão logística?

Antes de falarmos como funciona a gestão logística, é importante entender o que é gestão logística e o que são os processos logísticos.

O que é gestão logística?

Como já dissemos anteriormente, a gestão logística é responsável pelo gerenciamento dos fluxos logísticos de uma empresa. Por meio da gestão logística, é possível fazer o controle de todas as atividades relacionadas à produção de mercadorias, à compra de produtos, ao armazenamento e à distribuição das mercadorias.

Todas essas etapas e operações exigem atenção e cuidados especiais dos gestores e CEOs de uma empresa, já que a gestão logística pode trazer economia, evitando desperdícios, aumentando a produtividade e agilizando processos.

A gestão logística nada mais é do que o gerenciamento de informações e de recursos em uma organização. Para ficar claro, é a gestão logística que garante que os processos logísticos aconteçam de forma eficiente. Mas o que são processos logísticos?

O que são processos logísticos?

Os processos logísticos se referem a todas as ações realizadas dentro de uma empresa com o objetivo de produzir e distribuir os bens ou produtos oferecidos de forma rápida e eficiente

Os processos logísticos incluem:

  • Aquisição;
  • Transporte;
  • Armazenamento;
  • Distribuição;
  • Entrega de peças e de produtos. 

Quando se fala em processos logísticos, estamos falando até mesmo das negociações com os fornecedores. O conceito é amplo e inclui planejamento de produção, compra de materiais, processamentos de pedidos e até atendimento ao cliente.

É importante entender que os processos logísticos estão cada vez mais complexos e exigem maior otimização, rapidez de produção e entrega, além de redução de erros humanos. Portanto, é necessário atenção para o fluxo de demandas, controle de comunicação, informações e custos, entre outros. 

A utilização de ferramentas de análise capazes de identificar todos os pontos e gargalos da cadeia de suprimentos melhora e aperfeiçoa os processos logísticos. E a tecnologia na gestão empresarial se torna uma forte aliada.

Conheça a tecnologia na gestão logística

A tecnologia na gestão empresarial permite velocidade e eficiência dos processos logísticos, já que oferece informações cruciais para a tomada de decisões: informa dados sobre inventário, locais de armazenagem, pessoal e materiais disponíveis à produção, entre outros.

Todas essas informações facilitam o gerenciamento dos produtos e matérias-primas e garantem a qualidade do serviço prestado. 

Atualmente, existem pelo menos cinco tipos de software para gestão logística. São eles:

1. TMS (Transportation Management System)

Pela tradução livre para o português, TMS é o Sistema de Gestão de Transportes. É por meio do TMS que os gestores controlam os detalhes relacionados ao serviço de entrega, mostrando planejamento de rotas, auditoria, verificação e acompanhamento das transportadoras, entre outros.

2. Sistemas de monitoramento de entregas

Como o nome diz, esse tipo de sistema monitora as entregas, desde a saída do armazém até a chegada no destino final.

3. Sistemas de roteirização

Os sistemas de roteirização são responsáveis por otimizar rotas e garantir um trajeto com um melhor custo-benefício para a empresa, oferecendo os melhores prazos.

4. Sistemas de gestão de frotas

Já os sistemas de gestão de frotas são aplicáveis para empresas e indústrias que possuem veículos próprios e precisam fazer a gestão da frota disponível.

5. WMS (Warehouse Management System)

WMS é a sigla para Warehouse Management System ou Sistema de Gerenciamento de Armazém. Esse tipo de software é um dos mais completos em se tratando de gestão logística. 

Por meio dele, é possível controlar o inventário, checar a necessidade de reposição, verificar se existem slots disponíveis no local, monitorar a organização física do espaço, além de outros detalhes. Saiba como funciona o sistema WMS.

Sistema WMS na gestão logística

O sistema WMS é considerado uma das melhores ferramentas para administrar de forma integrada todas as atividades relacionadas com gestão logística, já que disponibiliza em tempo real  informações pertinentes aos processos logísticos.

O WMS reúne dados sobre procedimentos, monitora e otimiza tudo o que acontece em toda a cadeia de suprimentos. Esse software deve estar integrado ao ERP para que as áreas da empresa possam acessar e compartilhar as informações.

Integrado ao ERP, o sistema WMS fornece todos os dados e informações logísticas em um único lugar, através de planejamento de rotina, direcionamento da equipe, controle de estoque e armazenamento (para uma melhor movimentação), além de direcionamento de todas as atividades operacionais.  Confira como funciona na prática o WMS Sankhya.

Conheça o WMS Sankhya na prática

Uma boa gestão logística pode reduzir gastos e desperdícios, integrar equipes, melhorar a qualidade do nível de serviço, aperfeiçoar o controle sobre a armazenagem e a distribuição dos produtos e oferecer recursos para desenvolver um planejamento mais eficiente e realista.

Empresas que aplicam uma gestão logística eficiente melhoram a comunicação e o relacionamento com fornecedores, colaboradores e, principalmente, com clientes. Como consequência, fidelizam consumidores e aumentam a receita.

Em um mundo pós-digital, utilizar ferramentas como o WMS Sankhya torna a gestão logística ainda mais prática, rápida e segura, evitando desperdício, otimizando decisões e aperfeiçoando processos logísticos.

Veja como funciona o WMS na prática:

Para saber mais, entre em contato com o nosso time de especialistas.

Sobre o autor
Redatora Sankhya

Conheça o ERP Sankhya na prática

Informe seus dados para acessar o tour pela solução Sankhya.