Pular para conteúdo

O que é Treinamento e Desenvolvimento e 5 dicas de como fazer

Grandes empresas e com excelentes resultados são construídas por pessoas. São pessoas habilidosas e bem treinadas que conquistam clientes fiéis....

treinamento e desenvolvimento

Grandes empresas e com excelentes resultados são construídas por pessoas. São pessoas habilidosas e bem treinadas que conquistam clientes fiéis. Mas a máquina de crescimento e desenvolvimento da corporação só funciona se as engrenagens estiverem bem encaixadas e fluindo perfeitamente. Isso quer dizer que todas as áreas da empresa devem entender muito bem o conceito de Treinamento e Desenvolvimento. Afinal, é ele o responsável pelo bom desempenho do curto, médio e longo prazo de uma empresa.

O que é Treinamento e Desenvolvimento (T&D)?

Treinamento e Desenvolvimento são instrumentos distintos usados por equipes de Recursos Humanos nas empresas, para lapidar e aperfeiçoar o desempenho da corporação por meio de capital humano.

Mas é importante entender a diferença entre os dois, porque, apesar de parecerem sinônimos, não são.

Em uma definição simples e breve, treinamento refere-se ao processo de aquisição de conhecimento, habilidades e competências como resultado de formação profissional ou do ensino de habilidades práticas relacionadas a competências úteis específicas.

Já o desenvolvimento se refere a um processo mais extenso com ferramentas e programas de coaching, gestão do tempo, liderança, entre outras.

Saiba agora quais são as diferenças entre Treinamento e Desenvolvimento. 

Quais as diferenças entre Treinamento e Desenvolvimento?

Treinamento

Quando falamos em treinamento, estamos nos referindo a ações pontuais e de curto prazo que visam sanar dúvidas e problemas práticos e do dia a dia. Por exemplo, quando um colaborador é contratado e não conhece o funcionamento interno da empresa, passa por um breve treinamento para se adaptar e conhecer de perto a rotina do cargo que vai exercer.

O treinamento busca qualificar o colaborador para tarefas e atividades no cargo/função ocupada no presente momento, sem vislumbrar possibilidades futuras. Baseia-se fundamentalmente em ajudar no aperfeiçoamento de competências, habilidades e atitudes dos colaboradores com foco em resultados rápidos.

Mas se os treinamentos forem usados em estratégias maiores de desenvolvimento, podem ser excelentes aliados a longo prazo, já que, além de atenderem uma necessidade particular ou obrigatoriedades (alguns cargos exigem treinamentos específicos para que a pessoa possa ocupar determinado cargo e função), complementam a forma como os colaboradores se desenvolvem pessoalmente e profissionalmente.

Desenvolvimento

Já o termo desenvolvimento se refere a um processo de longo prazo, com o foco em ampliar novas competências, além de melhorar e impulsionar o desempenho dos profissionais. O desenvolvimento visa um plano de carreira, o que estimula o colaborador a se dedicar mais no dia a dia, tendo perspectivas de melhoria dentro da empresa.

O desenvolvimento vai além do cargo ou da função atual que a pessoa ocupa, planejando todo o futuro do colaborador dentro da organização, de acordo com as oportunidades e as demandas que surgirem.

Ou seja, o desenvolvimento trabalha as competências chave, dando ênfase nas necessidades mais estratégicas do negócio e tem foco em aumentar a competitividade e a produtividade no negócio.

5 dicas de como aplicar Treinamento e Desenvolvimento na sua empresa

Agora que já ficou claro o conceito teórico de Treinamento e Desenvolvimento, é preciso criar estratégias e formas de colocá-lo em prática nas corporações.

Nós preparamos 5 dicas indispensáveis para que o T&D seja implantado com sucesso na sua empresa.

1. Faça o mapeamento de pessoal

O primeiro passo a ser dado pela equipe de RH da empresa é mapear todo o time de colaboradores, elencando quais são as funções e as habilidades e quem desempenha cada uma.

Com esse levantamento, ficará mais fácil encontrar possibilidades de melhoria e aperfeiçoamento desde os cargos mais operacionais, até os de maior responsabilidade e liderança.

O mapeamento ajudará a aumentar a clareza de quais treinamentos devem ser oferecidos e até mesmo se algum colaborador deve mudar de função ou ser demitido.

Aplique avaliações de desempenho e entenda melhor que tipo de profissionais a empresa tem disponível.

2. Defina objetivos e métodos

Depois de entender qual é o cenário da empresa, é fundamental que todos os departamentos estejam alinhados e preparados para galgar novos passos em busca do desenvolvimento maior do negócio.

A missão, os valores e a visão da empresa darão o norte para a contratação de novos colaboradores e para que os atuais passem por treinamentos e/ou sejam remanejados conforme competências e habilidades, visando o longo prazo da empresa e do colaborador dentro da corporação.  

3. Estipule cargos e responsabilidades

Ao identificar equipe, funções e habilidades necessárias, é bom que a empresa estipule cargos e responsabilidades para os perfis apontados como fundamentais para o crescimento da empresa.

Quando esse levantamento é feito, é possível ter mais clareza de quais são os treinamentos mais adequados e quem ainda precisa de mais atenção e capacitação.

Mostram-se neste momento quais são os potenciais de cada colaborador e quem pode ser recolocado e redirecionado, assim como cria-se aqui um plano de desenvolvimento para o colaborador.

4. Revise orçamento e defina treinamentos de curto, médio e longo prazo

Todo e qualquer treinamento ou estratégia de desenvolvimento vai afetar diretamente o orçamento da empresa, seja com custos com contratação de profissionais habilitados para conduzir os treinamentos ou com locais para a realização dos eventos. Mas, ao final dos processos, o orçamento pode ser afetado positivamente com os resultados trazidos pelos colaboradores.

Por exemplo, um treinamento motivacional é capaz de deixar o colaborador mais atento e empolgado com as funções que exerce, repercutindo positivamente nos números apresentados no fim do mês.

Existem diversos tipos de treinamentos com diferentes custos e retornos, como:

  • In Company (dentro da empresa);
  • Out Company (fora da empresa);
  • A distância;
  • Colaborativo;
  • Gamificação.

E é pela diversidade de opções que revisar o orçamento e fazer uma escolha assertiva de treinamentos se torna tarefa fundamental na hora de aplicar Treinamento e Desenvolvimento na empresa.  

5. Mensure os resultados  

São os resultados que dirão se as estratégias de Treinamento e Desenvolvimento estão sendo eficazes. A ideia nesse ponto é que os gestores verifiquem se realmente os colaboradores estão apresentando desenvolvimento das habilidades e competências necessárias e, consequentemente, trazendo retornos alinhados aos objetivos estipulados anteriormente.

É comum que, com um plano de Treinamento e Desenvolvimento, a empresa tenha como resultados mais qualidade dos serviços e produtos oferecidos, assim como:

ERP e Treinamento e Desenvolvimento

Quando uma empresa possui um sistema integrado de gestão empresarial (ERP) eficiente como o da Sankhya, colocar em prática o T&D fica mais fácil, já que o sistema mostra dados importantes de todas as áreas da empresa, como departamento financeiro, RH, entre outros.

Esses dados são fundamentais para que os gestores mensurem os resultados e alterem estratégias conforme as necessidades e os interesses da empresa, aplicando corretamente as estratégias de Treinamento e Desenvolvimento.

Conheça o aplicativo Pessoas Mais da Sankhya

Além do ERP da Sankhya, no aplicativo Pessoas Mais, os líderes têm acesso a um painel exclusivo com relatórios individuais sobre temas como:

  • Presença;
  • Evolução salarial;
  • Requisições.
  • Aprovações.

Com esses dados, podem ser desenvolvidas estratégias de curto, médio e longo prazo para a empresa e para colaboradores.  

Usar Treinamento e Desenvolvimento como ferramentas de crescimento de receita é uma estratégia extremamente válida e com inúmeras chances de retornos de curto, médio e longo prazo para as empresas.

Na medida em que os colaboradores se aperfeiçoam e crescem, movimentam e geram recursos suficientes para melhorias da empresa e ampliam resultados. Resultados estes que podem ser facilmente mensurados por meio de um ERP eficiente como o da Sankhya, possibilitando aos gestores tomar decisões melhores.

Conheça o Pessoas Mais da Sankhya:

Fale com nossos consultores e descubra as vantagens em implantar o sistema na sua empresa.

Sobre o autor
Redatora Sankhya

Conheça o ERP Sankhya na prática

Informe seus dados para acessar o tour pela solução Sankhya.