Pular para conteúdo

6 benefícios do sistema WMS para a logística da sua empresa

Neste artigo, listamos a importância do sistema WMS na sua empresa, como ele funciona e seus benefícios. Confira!...

Está sem tempo para ler este conteúdo? Ouça clicando no player abaixo:

Usar a tecnologia para facilitar o dia a dia das empresas com otimização de tempo e aumento da produtividade é o melhor caminho para bons resultados. Essa é a função do sistema WMS (sigla em inglês referente a Warehouse Management System) ou Sistema de Gerenciamento de Armazém, um tipo de software de grande importância para a logística de atacados e distribuidores.

Está no foco de qualquer empresa ter um alto faturamento e destaque no mercado. Para isso, a organização dos processos logísticos é um dos principais passos para resultados satisfatórios. Para ajudar nessa questão, é importante que a sua empresa esteja atenta às novidades tecnológicas. Afinal, estamos falando de um mercado de grande concorrência e se sobressai quem possui processos mais eficientes.

Neste artigo, listamos a importância do sistema WMS na sua empresa, como ele funciona e seus benefícios. Confira!

O que é o sistema WMS?

O sistema WMS é um software desenvolvido para facilitar o controle de alguns processos da empresa, como logística, mercadorias e depósitos. Tarefas que, quando realizadas manualmente, demoram mais e têm maiores chances de erros são facilitadas com a rapidez e a praticidade proporcionadas pelo sistema WMS.

Em um mundo cada vez mais digital, é preciso acompanhar esses processos de forma eficaz para conseguir atender as demandas, entregar resultados positivos à empresa e oferecer uma melhor experiência de compra ao cliente.

Segundo estudos da IDC Brasil, o mercado de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) deve crescer 7% em 2021. Quando considerado apenas o mercado de TI, a previsão é de alta de 11%. No mercado corporativo, que contempla software, serviços e hardware, a previsão é de alta de 10%, confirmando a preferência das empresas por recorrerem à tecnologia como aliada no dia a dia.

Enquanto manualmente são necessários vários funcionários e um tempo maior para o controle de cada uma das etapas de um armazém ou um centro de distribuição, com o uso de um sistema WMS, todas as funções são realizadas por meio do software. Ele passa a ter o controle de todos os passos logísticos da empresa, desde o momento da chegada de um produto até a etapa de expedição.

Segundo Alan Guerra, consultor de Sucesso do Cliente da Sankhya e que já implantou o sistemas WMS em aproximadamente 40 clientes, o sistema WMS pode ser usado independente do porte da empresa, desde que atenda aos requisitos de configuração e uso.

“Antes de mais nada, é fundamental conhecer esses requisitos e alinhar com o momento atual de maturidade de processos e disponibilidade de investimentos. Dois exemplos básicos de requisitos são: produtos com códigos de barras para identificação e investimento em infraestrutura adequada e que suporte o sistema”, explica Alan.

Como o sistema WMS atua na logística da empresa?

O sistema WMS define entrada e saída de mercadorias, localização dos produtos, pedidos, devoluções e pode ser integrado a outras áreas da empresa por meio de sistemas de ERP (Sistema de Planejamento de Recursos Empresariais).

O ERP atua com funcionalidades como fluxo de entrada e de saída de produtos, cadastros e pedidos de vendas, mas não possui ferramentas para processos mais avançados de logística. Portanto, para ter um controle completo, é preciso que a empresa invista em um software para armazéns, como o sistema WMS.

Os dois sistemas juntos são fundamentais para a organização da empresa. Ambos trocam informações entre si a todo momento, aumentando a capacidade de pedidos, a velocidade no processo de armazenamento e a rapidez no processo de separação.

Em um estudo da Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil, com o apoio da GfK Brasil, foi avaliado que os sistemas de gestão estão presentes em 53% das empresas e o sistema WMS está em 16% delas.

Para Alan, o sistema WMS é uma extensão dos controles e da gestão iniciados no ERP. “É a parte que gerencia todas as movimentações e orquestra a operação dentro da estocagem, fazendo com que o ERP reproduza as informações para os demais setores de forma mais rápida e segura para as tomadas de decisões”, analisa o consultor.

Como o sistema WMS atua na logística da empresa?

O sistema WMS, por meio de sensores automáticos, atualiza de forma precisa o inventário com todas as informações necessárias para a empresa e fornece relatórios sobre todos os produtos em estoque.

Confira os principais pontos que levam as empresas a implementarem um sistema WMS:

  • Redução de gastos operacionais;
  • Facilidade na comunicação interna e externa da empresa;
  • Diminuição das perdas (o controle manual tende a um aumento dos erros);
  • Possibilidade de planejamento;
  • Controle exato do fluxo de entrada e saída de produtos;
  • Melhor organização;
  • Otimização de tempo.

Quais são os benefícios de usar um sistema WMS?

Como vimos, o sistema WMS é de grande importância para o crescimento tecnológico, para o destaque perante a concorrência e para uma melhor organização interna da empresa. Mas, além desses, há muitos outros benefícios.

Se você ainda tem alguma dúvida sobre investir em um sistema WMS, listamos 6 importantes vantagens desse tipo de software para a logística da sua empresa:

1. Redução nos custos de mão de obra

Para fazer todo um processo diário de tarefas que mantenham atualizados os dados logísticos, é comum que empresas contem com vários funcionários e um trabalho manual demorado.

Já com a aplicação do sistema WMS, é possível reduzir custos com essa mão de obra e obter resultados e relatórios finais mais precisos, já que também é minimizada a possibilidade de erros.

2. Melhora no controle de estoque

Sem o sistema WMS, é difícil saber ao certo onde e em quais produtos direcionar o foco. Com essa tecnologia a favor, é possível ter um controle das mercadorias que estão saindo com mais frequência, dos produtos que estão parados, e dessa forma, saber exatamente onde focar mais para obter maiores lucros.

O controle de estoque é o ponto chave de uma empresa com bom planejamento. É uma forma de direcionar os esforços para o que está em alta dentro da empresa.

3. Otimização de tempo

Com tecnologias integradas na empresa, é possível otimizar o tempo e ter maiores e melhores resultados na logística

Um bom exemplo é a substituição de anotações manuais para registros por códigos de barras ou QR Codes, que levam as informações para o sistema em tempo real automaticamente.

Com um sistema automatizado, não é preciso contabilizar dados, já que qualquer pessoa pode ter acesso às informações a todo momento e de forma precisa.

4. Melhor atendimento ao cliente

Saber quais produtos estão com maior saída na empresa e tê-los sempre em estoque é primordial para um bom planejamento logístico. Com o uso do sistema WMS, é possível melhorar a experiência do cliente até mesmo com a organização na entrega, garantindo menor tempo de espera.

Isso significa também não precisar ter gastos desnecessários com um volume maior que o necessário de produtos, já que, com o software, é possível fazer uma previsão de vendas respeitando prazos.

“Um dos maiores benefícios do uso de um sistema WMS é a rastreabilidade e o acompanhamento em tempo real das operações. Isso porque o cliente está cada vez mais exigente em relação à visibilidade da etapa de processamento do seu pedido”, afirma Alan.

5. Melhora na gestão de espaço

Com o controle de estoque em tempo real por meio do sistema WMS, a empresa passa a conhecer os espaços disponíveis para que possam ser ocupados por outros itens de forma a não desperdiçar lugares vagos.

Dessa forma, a organização dos produtos possibilita observar os maiores giros e o que está parado por mais tempo. Ter um bom planejamento de espaço é uma excelente estratégia de produção.

6. Redução de perdas em mercadorias

Com a tecnologia WMS, é possível ter um controle exato das mercadorias e não correr o risco de erros em quantidade de estoque. Com o código de barras, por exemplo, é possível dar entrada e saída nos produtos de forma eficaz.

Pelo sistema, é possível saber onde exatamente está o produto em estoque e suas quantidades e, dessa forma, diminui-se a probabilidade de perdas, diferente de planilhas manuais, que são mais demoradas e possuem mais chances de erros na hora do controle.

Escolha um sistema WMS que atenda as necessidades da sua empresa

Um sistema WMS para atacado e distribuidor deve garantir eficiência, facilidade na logística da sua empresa e otimização de tempo, além de:

  • Gestão completa de custos;
  • Gestão de estoque;
  • Gestão de vendas e entrega;
  • Gestão por indicadores.

Ganhe eficiência no dia a dia, bons resultados e se destaque no mercado ficando à frente da concorrência com o ERP da Sankhya.

Quero saber mais sobre o ERP da Sankhya

Sobre o autor
Redatora Sankhya

Conheça o ERP Sankhya na prática

Informe seus dados para acessar o tour pela solução Sankhya.