Análise ambiental: como fazer em sua empresa?

A sociedade está em constante modificação. São novas tecnologias, formas de consumir, de se relacionar, legislações e outros pontos que...

A sociedade está em constante modificação. São novas tecnologias, formas de consumir, de se relacionar, legislações e outros pontos que podem influenciar diretamente as empresas. Além dos fatores externos, os internos também contribuem para o sucesso ou insucesso de um negócio. E tudo isso é abordado pela análise ambiental.

Parte indispensável de qualquer planejamento estratégico, a análise ambiental pode ser realizada de várias maneiras, principalmente por meio da Matriz SWOT (que avalia os pontos fortes, fracos, oportunidades e ameaças)

Quer entender melhor esse assunto e levar seu negócio ainda mais adiante? Neste artigo, explicamos o que é análise de ambiente, como fazer de forma correta na sua empresa, quais são seus benefícios e como o ERP Sankhya auxilia nessa análise. Siga a leitura!

O que é análise ambiental?

A análise de ambiente é o processo de identificar as oportunidades, ameaças, forças e fraquezas, tanto do meio externo como interno, que podem interferir na atuação da empresa, no cumprimento da sua missão e na capacidade em atingir as metas propostas.

Assim, a principal função dessa análise é avaliar os ambientes internos e externos nos quais a empresa se insere, descrevendo de forma quantitativa e qualitativa as conjunções correntes ou futuras, reais ou presumíveis sobre a própria empresa. Para isso, podem ser usados vários âmbitos, como:

  • Político;
  • Econômico;
  • Social;
  • Mercadológico;
  • Regional, entre outros.

É importante entender que, para uma análise ambiental completa, é preciso utilizar todos os dados obtidos por meio dela para estruturar um planejamento estratégico com base nos objetivos da organização

Uma pesquisa realizada pela consultoria Falconi mostrou que, de 100 empresas entrevistadas, apenas 10% têm estratégias definidas para três a cinco anos. O levantamento ainda revelou que 47,6% não possuem ações definidas de médio e longo prazo.

Por isso, um planejamento bem estruturado aliado a uma análise ambiental são fundamentais para o crescimento dos negócios. É importante destacar, porém, que essa análise não é uma previsão infundada do futuro, mas sim uma identificação dos fatores que podem se tornar reais e influenciar direta ou indiretamente o negócio a médio e longo prazo.

Dessa forma, a empresa consegue traçar planos de contingência alinhados aos contextos verificados.

Qual é a importância da análise ambiental?

A análise ambiental é essencial para o crescimento organizacional, independente de quais sejam os objetivos do negócio. Ela deve ser realizada com o propósito de potencializar as forças da empresa e aproveitar as oportunidades.

Com isso, pode ser implementada de diversas formas. Uma delas é transformar as informações fornecidas em estratégias para setores da empresa como RH, marketing, administrativo, comercial, operacional, entre outros. 

Mas a análise ambiental também pode ser direcionada a um planejamento, objetivo ou ação específica da organização, como:

  • Divulgação de um produto ou serviço;
  • Negociação ou mudança de fornecedores;
  • Escolha da matéria-prima e análise de seus custos e benefícios;
  • Melhor forma de aplicar as estratégias.

Como fazer a análise ambiental de uma empresa?

Representação gráfico de como fazer a análise ambiental de uma empresa. Dividido em ambiente interno e o ambiente externo dividido em micro e macro. Ele está explicado ao decorrer deste tópico.
Análise Ambiental

Como citado anteriormente, uma das ferramentas mais usadas na análise ambiental de uma empresa é a Matriz SWOT (ou FOFA, em português). A sigla, em inglês, é formada pelas palavras: Strenghts (forças), Weaknesses (fraquezas), Opportunities (oportunidades) e Threats (ameaças).

Por meio de um diagrama simples, é possível representar de forma gráfica os principais fatores que precisam de monitoramento contínuo. Essa análise deve ser feita para todos os ambientes que podem impactar o negócio. Veja a seguir com mais detalhes.

Ambiente interno

É o ambiente do qual a empresa tem controle. Neste grupo, estão inseridos: 

  • Colaboradores;
  • Maquinários;
  • Frota de veículos;
  • Política de vendas;
  • Carteira de clientes;
  • Sistemas de gestão;
  • Capacidade de investimento.

Dentro desse contexto, as forças podem ser as características desse ambiente interno, que são uma vantagem em relação à concorrência, como colaboradores mais bem treinados, localização estratégica, produto aceito em diversos mercados, entre outros.

Já as fraquezas são os aspectos que desfavorecem a empresa em relação à concorrência, como ambiente de trabalho desfavorável (que contribui para o turnover e dificulta a retenção de talentos), maquinário obsoleto, sistema de gestão defasado, entre outros.

Ao elencar essas fraquezas, o gestor consegue entender o que precisa ser trabalhado e modificar o cenário, assim como é possível identificar os pontos fortes e trabalhar para que eles se mantenham como diferenciais competitivos.

Ambiente externo

O ambiente externo pode ser dividido em micro e macro ambiente.

O microambiente está relacionado aos stakeholders externos que impactam diretamente a empresa, como concorrentes (podem ser diretos, oferecendo os mesmos produtos e serviços que você, ou indiretos, com produtos e serviços similares que podem substituir o que o seu negócio oferece), clientes e fornecedores.  

O macroambiente diz respeito às variáveis que afetam direta ou indiretamente o seu negócio em uma escala maior de variáveis, como:

  • Variáveis políticas: a nível federal, estadual ou municipal. Como eleições, corrupção, relações internacionais, entre outras. 
  • Variáveis econômicas: crescimento ou retração da economia, taxa de juros, inflação, entre outras. 
  • Variáveis socioculturais: aspectos sociais e culturais que influenciam no modo de agir e de pensar, incluindo fatores demográficos e comportamentais.

Assim, é possível pensar nas forças e nas fraquezas para cada um desses ambientes externos, considerando que a empresa não detém controle sobre essas ações e, com essa base de dados, estruturar um planejamento estratégico alinhado com esses fatores.

Podemos citar como exemplo a eleição de um novo gestor público. Isso pode influenciar a política econômica e até as leis trabalhistas – o que pode ser uma ameaça ou uma oportunidade, dependendo das circunstâncias e do seu negócio. Porém, a empresa não tem nenhum controle sobre a situação, mas pode pensar em planos de ação a médio e longo prazo e, assim, se preparar melhor.

Ferramentas

Além da Matriz SWOT, existem outras ferramentas que podem ser usadas para uma análise ambiental precisa, como:

Mapa de percepção ou posicionamento

Ajuda a entender a força dos seus concorrentes e consiste em montar um gráfico que indique os dois aspectos mais importantes para avaliar a qualidade de uma empresa. Eles devem ser identificados após pesquisa com os potenciais clientes das organizações que atuam no ramo. 

Assim, é possível perceber como a sua empresa ou ideia de negócio é percebida pelos clientes e quais empresas servem como modelo para a sua atuação.

PESTEL

Representação gráfica do método de análise ambiental PESTEL.

P: Fatores políticos
E: Fatores econômicos
S: Fatores sociais
T: Fatores tecnológicos
E: Fatores ambientais
L: Fatores legais
Exemplos de fatores para análise externa com o PESTEL

Metodologia usada para identificar as variáveis externas que terão maior impacto sobre o negócio. A sigla se refere a Políticas, Econômicas, Socioculturais, Tecnológicas, Ecológicas (Ambientais) e Legais.

Para analisar o ambiente interno, basta usar ferramentas como entrevistas, questionários, painéis, seminários, caixas de sugestão, comitês e outras que ajudem a levantar os dados sobre o  público interno e também sobre os ativos do negócio.

As 5 forças de Porter

Com foco no ambiente externo, essa ferramenta idealizada pelo economista Michael Porter  auxilia nas análises com foco na competitividade. Nela, Porter definiu cinco forças essenciais para uma empresa avaliar com relação aos concorrentes:

  • Nível de rivalidade;
  • Poder de negociação com fornecedores;
  • Grau de substituição dos produtos ou serviços (em relação aos concorrentes);
  • Ameaça de entrada de novas empresas do mesmo segmento;
  • Capacidade de negociar com clientes.

Aplicações

Depois de escolher as ferramentas ideais para o seu negócio e realizar a análise ambiental, é importante que o gestor dê uma utilidade aos dados encontrados. Isso significa traçar planos de ação que ajudem a potencializar as forças, tirar proveito das oportunidades, se precaver das ameaças e reverter as fraquezas

De nada adianta ter em mãos todas essas informações se não tiver um planejamento estratégico bem definido e ações que estejam de acordo com a realidade da empresa. 

A análise ambiental também pode ser realizada por quem está pensando em abrir uma empresa. Dessa forma, é mais fácil entender todo o contexto externo, interno e moldar os processos e as metas.

Quais são os benefícios de realizar a análise ambiental?

A análise ambiental, quando bem executada, traz uma série de benefícios aos negócios. Ela pode ser usada em diferentes contextos, como:

  • Lançar um novo produto ou serviço;
  • Tomar uma decisão estratégica (ampliar ou retrair as ações, abrir novas filiais etc.);
  • Planejar ações (definir onde aplicar os principais recursos).

Em todas essas situações, a análise ambiental auxilia em questões como:

  • Identificar problemas antes que eles se tornem extremamente complicados e difíceis de serem geridos;
  • Identificar situações que podem colocar a empresa em risco, tanto interna como externamente;
  • Identificar oportunidades que poderiam passar despercebidas, criando possibilidades de crescimento, atuação em novos mercados ou expansão dos negócios;
  • Prever tendências que podem impactar seu negócio (positiva ou negativamente), como novas tecnologias, formas de consumo etc.;
  • Refletir determinados aspectos que precisam ser modificados para conseguir se diferenciar da concorrência;
  • Antecipar ameaças para criar planos de contingência e evitar crises profundas que possam colocar o negócio em uma situação complicada;
  • Avaliar posicionamento dentro do setor e identificar os principais concorrentes;
  • Avaliar os relacionamentos e as parcerias para garantir que nenhum deles está enfraquecendo o negócio, como com fornecedores, prestadores de serviço, entre outros.

É válido lembrar que os ambientes se modificam constantemente. Sendo assim, o que foi planejado há anos pode não ser mais uma realidade. Por isso, para uma análise ambiental bem definida, é fundamental a atualização de dados e informações.

Como o ERP Sankhya auxilia na análise ambiental?

Imagem em um notebook da Análise de causa e efeito (espinha de peixe) no ERP Sankhya.
Análise de causa e efeito do ERP Sankhya

A partir dessas informações, fica mais fácil definir planos de ação e de contingência, rever relacionamentos, avaliar a possibilidade de treinamentos e outras atitudes que direcionam a empresa para o crescimento e a diferenciação diante da concorrência.

Mas a peça fundamental para que todos os processos de análise ambiental ocorram com eficiência, qualidade, informações precisas e sem chances de erros é o uso do sistema ERP como aliado em todas as etapas.

O ERP Sankhya faz a integração de todos os dados organizacionais, permitindo o acesso e a comunicação com clareza entre todos os setores. Fornecendo informações em tempo real, o software ajuda os gestores nas análises e na estruturação estratégica com base em números reais.

Ele fortalece não apenas as relações internas entre gestores e colaboradores como também com fornecedores e clientes. Dessa forma, é mais fácil tomar decisões assertivas, que estejam alinhadas com o propósito organizacional e, assim, conquistar destaque no mercado.

Dentre os benefícios do uso do ERP na análise ambiental, podemos citar:

  • Suporte à clareza de missão, visão, valores e proposta do negócio;
  • Análise de fatores externos e internos para embasar o planejamento estratégico;
  • Informações para acompanhamento periódico dos KPIs por dimensões de análise (unidades de negócio, cidades, vendedores, colaboradores etc.);
  • Acompanhamento do cumprimento dos planos de ação definidos pela equipe;
  • Suporte à evolução da maturidade de gerenciamento da estratégia;
  • Auxílio à elaboração e ao desenvolvimento de indicadores de crescimento;
  • Suporte ao mapeamento dos problemas com causas desconhecidas;
  • Melhoria nos níveis de gerenciamento da rotina;
  • Suporte à capacidade relacionada às informações de mercado e de ação a tempestividades.

Veja na prática como funciona o acompanhamento de metas, planos de ação e gerenciamento através da nossa Gestão por Diretrizes. Fazer tour pelo GPD do ERP Sankhya.

Sobre o autor
Redator Sankhya

Olá! Este post foi escrito por nosso redator oficial Sankhya. Deixe seu comentário abaixo sobre o que você achou deste texto :)

Receba nossa newsletter

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

Receba nossa newsletter

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

Receba nossa newsletter

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

Receba nossa newsletter

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

Região Sudeste
Sul
Região Nordeste
Região Centro-oeste
Região Norte

Central de Vendas  0800 940 0750
plugins premium WordPress
SOLICITE ORÇAMENTO

Envie seus dados que logo nossos especialistas entrarão em contato.

Torne-se uma unidade Sankhya

Para análise inicial de aderência ao Programa Unidades de Negócios Sankhya, favor preencher o formulário abaixo.

SOLICITE ORÇAMENTO

Envie seus dados que logo nossos especialistas entrarão em contato.

Sua inscrição foi realizada com sucesso.

SOLICITE UMA PROPOSTA

Nossos consultores estudarão a fundo suas necessidades e apresentarão as melhores soluções para a sua empresa.

Fale com um Consultor

Obrigado por se cadastrar

SOLICITE ORÇAMENTO

Envie seus dados que logo nossos especialistas entrarão em contato.

Conheça o ERP Sankhya na prática

Informe seus dados para acessar o tour pela solução Sankhya.